Na nossa rotina é comum contratarmos serviços e pagarmos para as pessoas fazerem coisas por nós. E isso também acontece no ambiente de trabalho, quando pedimos que alguém faça um relatório, organize uma apresentação, etc.

Em inglês, existe uma estrutura muito específica que será usada em uma situação como a descrita: a causative form. E é muito comum os estudantes de inglês se esquecerem dessa estrutura e usarem outra que vai passar um significado completamente oposto ao pretendido.

Então vamos às explicações para não errar mais!

A causative form é formada pelos verbos have/get + objeto + passado particípio do verbo, e sempre será usada quando alguém faz alguma coisa por nós (seja porque pagamos, pedimos, convencemos, etc), mas esse “alguém” não precisa aparecer na frase.

 

Como usar a Causative Form

Por exemplo, veja a diferença abaixo:

I need to cut my hair.
Traduzindo, a frase significa “eu preciso cortar o meu cabelo”, mas o real significado é de que a pessoa vai cortar o próprio cabelo sozinha, sem a ajuda de ninguém.

I need to have my hair cut.
A tradução é a mesma da frase anterior, mas neste caso entende-se que a pessoa vai a um salão e que um profissional irá cortar o cabelo dela.

Viu como essa estrutura faz toda a diferença?

Mais alguns exemplos:

– Where can I have my car fixed?
– We need to have this report done by Friday.
– We’re getting the computers changed in the office.
– Tony had his car stolen last night.
– Susan broke her cell phone and now she needs to get it repaired.

Na maioria dos casos, usar o “get” torna a frase um pouco mais informal, mas tanto o “get” quanto o “have” podem ser usados e o significado será o mesmo.

Se você quiser indicar a pessoa que vai fazer a ação, é só trocar o objeto pela pessoa, mas lembre-se de colocar o verbo no infinitivo (e sem “to”):

– We had an electrician check the electric system in the office.
– Susan had a specialist repair her cell phone.

 

Escrito por Michel Rosas e publicado na coluna semanal de inglês da Revista Exame. Editado para o blog da Companhia de Idiomas.

WhatsApp chat