Dominar o inglês é muito importante tanto no mundo corporativo quanto no acadêmico. Se você deseja estudar fora, as universidades internacionais precisam garantir que os candidatos tenham conhecimento suficiente do inglês tanto para entenderem quanto para se comunicarem nas aulas e realizar as atividades propostas. Neste caso, a ferramenta utilizada no processo de admissão é o teste de proficiência, sendo os mais comuns o TOEFL e o GMAT.

Os testes em formato de múltipla escolha cobram conteúdo variado. No caso do TOEFL, por exemplo, é cobrado um conteúdo mais escolar, com textos de História, Biologia, Geografia etc. O avaliado tem de mostrar conhecimento sobre um conteúdo com o qual ele pode não ter muito contato, não ter estudado ou até ter esquecido. No caso de teste oral, o avaliado usa estruturas e vocabulário que conhece.

 

TOEFL iBT (Internet-Based Test)

Test of English as a Foreign Language – Teste de Inglês como Língua Estrangeira

 

É o certificado mais conhecido e requisitado pelas universidades dos Estados Unidos e muitas da Europa. A pontuação vai de 0 a 120 e dá igual peso a cada uma das quatro habilidades testadas. Diferentes universidades exigem diferentes resultados do TOEFL iBT e algumas podem também exigir resultados específicos nas habilidades que serão testadas individualmente.

O TOEFL avalia o domínio de inglês e a capacidade de combinar as habilidades de Listening, Reading, Speaking e Writing para realizar tarefas acadêmicas. Também há uma etapa de Speaking feita no computador. O resultado do teste tem validade de dois anos.

 

Seções do TOEFL

 

SEÇÃO PONTUAÇÃO NOTAS ATIVIDADES
Reading
(Leitura)60 a 80 minutos
0 a 30 Alto:
22 a 30Intermediário:
15 a 21Baixo:
0 a 14
36 a 56 questões
Ler 3 ou 4 trechos de textos acadêmicos e responder às perguntas. Os principais tipos de questões cobram o seguinte: parafrasear, preencher tabelas e completar resumos.
Listening
(Compreensão oral)60 a 90 minutos
0 a 30 Alto:
22 a 30Intermediário:
15 a 21Baixo:
0 a 14
34 a 51 questões
Ouvir palestras, discussões em sala de aula e conversas e responder às perguntas. As questões pedem que o avaliado determine as principais ideias, detalhes, funções, posicionamentos, inferências e organização geral.
INTERVALO INTERVALO INTERVALO INTERVALO
Speaking
(Conversação)20 minutos
0 a 30 Boa:
26 a 30Satisfatória:
18 a 25Limitada:
10 a 17

Insuficiente:
0 a 9

6 tarefas
Duas tarefas independentes e quatro integradas. Nas independentes, os avaliados devem responder a questões pessoais sobre algum aspecto da vida acadêmica. Nas tarefas integradas de leitura, compreensão e expressão oral, estudantes devem ler uma passagem, ouvir outra passagem e falar sobre como as ideias das duas se relacionam.
Writing
(Escrita)50 minutos
0 a 30 Boa:
24 a 30Satisfatória:
17 a 23Limitada:
1 a 16
2 tarefas
Uma tarefa é integrada (20 minutos) e a outra, independente (30 minutos). Na integrada, estudantes devem ler uma passagem acadêmica, ouvir outra passagem e escrever sobre como as ideias das duas passagens se relacionam. Na independente, o estudante deve escrever um ensaio pessoal.

 

Mais algumas dicas…

Apesar de o intervalo de pontuação para cada uma das quatro seções do teste (Reading, Listening, Speaking e Writing) ser de 0 a 30, cada uma delas é uma medida separada e cada medida tem sua própria escala. Desta forma, as pontuações obtidas em uma seção podem ser comparadas com outras pontuações da mesma seção. No entanto, não é adequado comparar pontuações em diferentes seções.

O computador faz o cálculo das pontuações em Compreensão de Texto e Compreensão Oral. A seção Compreensão de Texto contém de 36 a 56 tarefas, baseadas na leitura de trechos de textos acadêmicos e respectivas perguntas. A seção Compreensão Oral contém de 34 a 51 tarefas, baseadas em áudios de palestras, discussões em sala de aula e conversas, também com perguntas a serem respondidas.

Na seção de Redação, as duas tarefas são avaliadas em uma escala de 0 a 5. A soma é convertida em uma pontuação na escala de 0 a 30. O que é avaliado:
– Tarefa de redação integrada, em relação ao desenvolvimento, organização, gramática, vocabulário, precisão e perfeição
– Redação independente em relação à qualidade geral da redação, inclusive desenvolvimento, organização, gramática e vocabulário
– Avaliação humana – vários avaliadores rigorosamente treinados avaliam os testes anonimamente. Os avaliadores do ETS são continuamente monitorados para assegurar imparcialidade e a mais alta qualidade.

Clique aqui para visitar o site do TOEFL e encontrar mais detalhes.

 

Escrito por Lígia Velozo Crispino e publicado no portal Vagas Profissões. Editado para o blog da Companhia de Idiomas.

WhatsApp chat